terça-feira, 27 de julho de 2010

Muffin de castanha de caju e chocolate

Esses muffins foram inspirados em uma receita que tenho aqui em casa.
O modo de fazer, assim como as quantidades de ingredientes, sofreram alterações e resultaram em bolinhos extremamente deliciosos.
Assei em forminhas de papel para não ter que desenformar. Acredito que dessa forma fica até mais bonitinhos servi-los.


muffin de castanha de caju e chocolate


Ingredientes:
½ xícara (chá) de açúcar – 90gr
3 colheres (sopa) de manteiga – 60gr
1 ovo
1 xícara (chá) + 1 colher (sopa) de farinha de trigo – 130gr
43gr de castanha de caju triturada
100ml de leite
100gr de chocolate meio amargo picado

Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Peneire a farinha e o fermento. Em uma tigela coloque a manteiga amolecida e o açúcar. Bata com o auxilio de uma batedeira por 2 minutos. Acrescente o ovo inteiro e bata por mais 3 minutos. Adicione a farinha de trigo e o fermento, aos poucos, intercalando com o leite e misture. Depois que a massa estiver homogênea acrescente a castanha de caju e o chocolate picado. Despeje a massa em forminhas individuais e leve para assar por 25-35 minutos, ou até que espetando um palito, ele saia limpo.


A receita rendeu 8 muffins.

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Empada de palmito

Gosto demais de empada e essa é sempre a minha escolha quando vou comer salgados. Outro dia comi uma empada que no lugar dos palmitos havia chuchu. Pôxa, está certo que eu gosto de chuchu, mas esperava comer palmito, né? Para não dizer que não tinha palmito, tinha meia dúzia de rodelinhas.
Criei um certo trauma de fazer empadas porque a primeira que eu fiz, a massa fritou na sua própria gordura. Essas coisas eu só conto para os meus amigos (vocês, claro!). Naquele dia eu prometi que não usaria mais gordura vegetal hidrogenada e não é que “fuçando” na internet achei essa receita.
A empada ficou deliciosa e cheinha de pedaços generosos de palmito. Estou até pensando em mandar o link para a moça das empadas de chuchu :P


empada de palmito


Ingredientes:

Para a massa:
3 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (sobremesa, rasa) fermento em pó
1 colher (chá) sal
2 ovos inteiros
200g manteiga em temperatura ambiente
1 ovo para pincelar

Para o recheio:
4 colheres (sopa) azeite
4 dentes de alho amassados*
1 cebola bem picadinha2 tomates (sem pele) picados**
1 vidro de palmito picado
½ xícara (chá) azeitonas (verdes ou pretas) picadas
cheiro-verde picado
½ copo leite
1 colher (sopa) farinha de trigo
sal a gosto

Faça o recheio colocando em uma panela o azeite e dourando as cebolas e os alhos. Junte os tomates e deixe refogar um pouco. Dissolva a farinha de trigo no leite.
Adicione os palmitos, as azeitonas, o cheiro verde e o leite, misturando até ficar cremoso. Salgue e reserve.
Para fazer a massa peneire a farinha e o fermento para uma tigela, faça uma cova no centro, adicione sal, os ovos e a manteiga e amasse com um garfo até juntar todos os ingredientes. Passe para a mesa polvilhada de farinha, amasse um pouco e abra com um rolo***. Forre uma forma com a massa, espalhe o recheio e cubra com massa. Pincele com ovo batido e leve ao forno médio pré-aquecido (180ºC) para assar.

Eu fiz 4 empadas individuais usando forminhas de 12cm de diâmetro. Elas assaram em 35 minutos.


*Usei um dente de alho.
** não coloquei os tomates no recheio.
*** Deixei a massa descansar uns 20 minutos na geladeira antes de fazer as empadas.


segunda-feira, 19 de julho de 2010

Crumble de maçã

Que frio! Outro dia a sensação térmica aqui em Floripa era de -1ºC.
Quase tive um treco! A vontade de comer algo quentinho só aumenta nesses dias e como eu tinha maçãs na geladeira, resolvi fazer um crumble.
A farofinha do crumble eu peguei aqui, mas diminuí um pouco a quantidades dos ingredientes porque só usei uma maçã para fazer a sobremesa.
Ficou uma delícia e a vontade de fazer novamente só aumentou.


crumble de maçã


Ingredientes:
1 maçã descascada e picada em cubinhos
Suco de meia laranja bem pequena
1 colher (sopa) de açúcar de confeiteiro

Para a cobertura:
1/3 xícara de farinha de trigo – 40gr
1 colher (sopa) de manteiga – 20gr
2 colheres (sopa) de açúcar – 24gr
2 colheres (sopa) de coco ralado
1 pitada de canela em pó
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Unte dois refratários pequenos (capacidade para 100ml) e distribua os pedacinhos de maçã. Regue com o suco da laranja e polvilhe o açúcar de confeiteiro por cima.
Faça a cobertura colocando em uma tigela todos os ingredientes e misturando-os com as pontas dos dedos até formar uma farofa grossa.
Coloque a farofa em cima das maçãs e leve os refratários ao forno (coloque-os dentro de uma assadeira) para assar por mais ou menos 25 minutos. A farofa ficará dourada.
Sirva morno.




quarta-feira, 14 de julho de 2010

Cookies de tangerina

Estava com vontade de fazer essa receita já fazia algum tempinho. Amo biscoitinhos com café e depois de fazer alguns aqui em casa, ganhei uma companhia para saboreá-los, o meu marido.
Saber que iria usar tangerina me deixou ainda mais curiosa e animada para testar essa receita.
O gostinho é bem parecido com laranja e eu como amo biscoitinhos de laranja, devo confessar que fiquei muito contente com o resultado dessa experiência saborosa.



cookies de tangerina

Ingredientes:
½ xícara (chá) de manteiga em temperatura ambiente – 100gr
1 xícara (chá) de açúcar – 180gr
2 xícaras (chá) de farinha de trigo – 240gr
1/3 xícaras (chá) suco de tangerina
Raspas de 1 tangerina
4 colheres (chá) de fermento
¼ colher (chá) de sal
1 ovo

Pré-aqueça o forno a 190ºC. Forre uma assadeira com papel manteiga.
Bata com o auxilio de uma batedeira a manteiga e o açúcar até formar um creme. Adicione o ovo, as raspas e o suco e bata rapidamente para misturar. Acrescente a farinha, o sal e o fermento e misture até os ingredientes estejam todos incorporados.
Com uma colher coloque porções da massa na assadeira, deixando um espaço de uma porção para a outra, e leve ao forno por 10 minutos* ou até que os cookies estejam assados. Deixe esfriar em uma grelha antes de consumi-los.


*os meus cookies precisaram de 20 minutos.
A receita rendeu 42 cookies.

sábado, 10 de julho de 2010

Panna Cotta de coco com calda de maracujá

Sai da casa da minha mãe sem saber cozinhar quase nada. Lembro que na primeira vez em que fiz compra de supermercado com o meu marido, nós compramos um charque e quando chegamos em casa eu não sabia o que fazer com o tal.
Ele olhou para mim e disse: Faz bife, amor.
Sabe o que eu fiz? Cortei o charque, coloquei um pouco de óleo na frigideira e tchiiiii... Fiz bife!
Servi o nosso almoço e lembro até hoje da cara dele. Estava tão salgado e eu achei horrível. Porém como era inicio de casamento, ele com toda delicadeza me disse que não estava ruim, só estava um pouquinho salgado.
Com o tempo, com inúmeras ligações para a casa dos meus pais, alguns livros e diversas revistinhas de culinária eu aprendi. E me sinto realizada com isso.
Hoje, depois de alguns anos e também de seis meses de blog eu tive uma surpresa e tanto; as meninas do O Peixe fresco me deixaram super feliz dizendo que aqui tem muitas coisas boas!
Muito obrigada a todas vocês por essa surpresa! Fiquei imensamente feliz = )


Panna Cotta de coco com calda de maracujá



Ingredientes:
Para a Panna Cotta:
500 ml de creme de leite fresco
400 ml de leite de coco

1/4 xícara de coco ralado (pacotinho)
5 folhas de gelatina sem sabor e incolor
½ xícara de açúcar

Para a calda:
Polpa de 1 maracujá
Açúcar a gosto (eu usei 6 colheres porque o meu maracujá estava bem azedo)
2 colheres (sopa) de água

Hidrate as folhas de gelatina em uma tigela com água fria.
Em uma panela coloque o creme de leite, o leite de coco, o coco ralado e o açúcar. Deixe ferver, mexendo sempre para que o açúcar se dissolva. Esprema a gelatina para retirar o excesso de água e adicione a panela, mexendo até dissolvê-la.
Espere amornar e despeje o liquido em refratários individuais e leve-os a geladeira para firmar.*
Antes de servir a Panna Cotta faça a calda, colocando todos os ingredientes em uma panelinha e levando ao fogo até que fique com uma consistência mais grossa. Mexa a calda durante todo o cozimento.
Retire os refratários da geladeira e mergulhe o fundo dos mesmos rapidamente em água quente. Se quiser passe uma faquinha de legumes nas laterais para desenformar mais fácil. Vire-os em um prato e coloque a calda de maracujá em cima.**


* eu deixei a minha Panna Cotta na geladeira de um dia para o outro.
** é importante que a calda não esteja quente.


terça-feira, 6 de julho de 2010

Bolo de banana

Quando ainda morava com a minha mãe ela sempre fazia um delicioso bolinho de banana aos finais de semana. Aliás, não era um bolinho, ela usava uma forma bem grande. Generosa como toda mãe.
E ontem me deu uma vontade de comer esse bolinho e por telefone ela me passou a receita.
É bem simples de fazer e a massa fica muito fofinha. A forma que eu usei para assá-lo é pequena (15x20), então a quantidade de ingredientes é pequena. Se você também tiver uma forma generosa, dobre a receita.

Bolo de banana


Ingredientes:
Para a massa
2 xícaras (chá) de farinha de trigo – 240gr
¾ xícara +1 colher (sopa) de açúcar - 150gr
1 xícara (chá) de leite - 240 ml
½ xícara (chá) de óleo* - 120 ml
1 colher (sopa) de fermento
2 ovos grandes

Para a cobertura
3 bananas médias
1 ¼ xícara (chá) de açúcar - 225gr

Separe as gemas das claras. Bata as claras em neve.
Liquidifique as gemas, o leite, o açúcar e o óleo até estarem bem misturados.
Peneire a farinha de trigo em uma tigela e adicione aos poucos a mistura de leite, óleo, açúcar e gemas. Mexa delicadamente a cada adição até que a massa fique bem homogênea. Acrescente o fermento e as claras em neve.
Corte as bananas em rodelas. Em uma panela pequena derreta o açúcar até formar um caramelo claro. Despeje em uma forma pequena e com o auxílio das costas de uma colher preencha todo o fundo da forma com o caramelo. Coloque as rodelas das bananas uma do lado da outra até preencher todo o fundo da forma. Despeje a massa por cima.Leve para assar por 25 a 30 minutos, ou até que espetando um palito, esse saia limpo.



* a minha mãe usa 1 xícara (chá) de óleo para fazer o bolo, eu diminui a quantidade e mesmo assim a massa ficou gostosa.